terça-feira, 20 de março de 2018

REGULAMENTO DO III RAID CVA-ESTRADA REAL

1. Dispositivos Gerais.
1.1. O III Raid CVA-Estrada Real será um passeio promovido pelo Clube de Veículos Antigos de Minas Gerais, CVA-MG, e supervisionado pela Federação Brasileira de Veículos Antigos (FBVA), desenvolvido em estradas asfaltadas e em bom estado de conservação.
1.2. Largará do Espaço Libertas, em Tiradentes/MG, às 11 horas do dia 28/07/2018 e chegará à tarde no mesmo local.
1.3. O rally passará pela região de Barbacena, Carandaí, Lagoa Dourada e Tiradentes.
1.4. Os participantes deverão respeitar o Código Nacional de Transito, declarando, no pagamento da inscrição, estar com CNH regularizada. Qualquer infração grave ou gravíssima cometida pelo participante implicará na exclusão sumária do passeio.
1.5. O passeio será por este regulamento.
1.6. Os participantes responderão por quaisquer acidentes ou incidentes em que venham a se envolver, isentando a organização, patrocinadores, apoiadores e colaboradores de qualquer responsabilidade civil ou penal.
1.7. A organização colocará reboques de prontidão caso haja necessidade. O custo do serviço deverá ser negociado diretamente com o operador do reboque.
1.8. Os participantes isentam a organização de responsabilidade por eventuais danos na pintura dos veículos decorrentes de adesivação. Os que preferirem, podem colar os adesivos nos vidros laterais.

1.9. Os participantes cedem ao CVA-MG e a seus patrocinadores e apoiadores os direitos de imagem sobre seus carros durante todo o evento.
2. Dos Veículos.
2.1. Poderão participar do raid veículos originais ou com modificações de época,fabricados até 1993 e em perfeito estado de conservação.
2.2. Veículos com menos de 25 anos que tenham modelos idênticos em 1993 (p. ex.: VW Fusca 1993-96, Lada Laika 1993-95) poderão ser aceitos na categoria principal, a critério da organização. Para efeito de inscrição, esses modelos serão considerados 1993.
2.3. O veículo deverá ser tripulado obrigatoriamente por um piloto devidamente habilitado e um navegador. Poderá conduzir até mais três passageiros.
3. Do Roteiro.
3.1. O roteiro do passeio será definido pelo livro de bordo. O livro de bordo será dividido em trechos. Os trechos serão de três tipos:
- Deslocamento: são os trechos em que um tempo é dado para que o participante chegue ao final dele;
- Neutralizados: são os trechos em que é dado um tempo para que o participante fique parado;
- Regularidade: são os trechos que uma velocidade média é dada para que o participante a cumpra fielmente. Nestes trechos poderá haver postos de controle - PC.
3.2. Os trechos serão divididos em quadriculas que representarão as referências.
As quadriculas serão divididas em cinco colunas:
- Primeira Coluna: informará a distância da referência.
As distâncias expressas com três casas decimais serão exatas e servirão como padrão de aferição. As distâncias expressas com duas casas terão a precisão de mais cinquenta metros, isto é, a referência poderá acontecer a até cinquenta metros da indicada na planilha;
- Segunda Coluna:desenho da referência (tulipa);
- Terceira Coluna: conterá informações do trecho (tipo do trecho, número dotrecho, tempo em minutos ou velocidade em quilômetros por hora);
- Quarta Coluna: informará o tempo da referência (hh:mm:ss.d);
- Quinta Coluna: conterá a descrição auxiliar da referência.
3.3. O roteiro do livro de bordo deverá ser cumprido fielmente.
3.4. As referências indicadas na planilha estarão sempre à direita do eixo da estrada, exceto quando especificada na planilha.
3.5. As distâncias serão sempre acumuladas com referência ao inicio da prova. Poderão, a critério do organizador, ser reinicializadas.
3.6. O início de um trecho será o ponto exato do fim do trecho anterior, com exceção do primeiro trecho.
3.7. A distância de final de trecho deverá ser exata.
3.8. A entrega do livro de bordo será feita um minuto antes do horário de largada do participante.
4. Da Partida e da Chegada.
4.1. Os veículos partirão com intervalo de um em um minuto sendo o primeiro as 11:01 horas.
4.2. Antes da partida cada veículo participante receberá um aparelho rastreador por sinal de GPS que será fixado no vidro dianteiro pela organização.
4.3. Na colocação do rastreador o participante assinará um termo de responsabilidade comprometendo-se a cuidar e devolver o aparelho.
4.4. Na chegada os participantes receberão a ficha técnica da prova.A partir deste momento começará a contar o prazo de trinta minutos para que entre com qualquer reclamação sobre o roteiro.
4.5. O participante que não comparecer ao local de chegada ao prazo máximo de trinta minutos do seu horário ideal, será excluído do passeio e não terá seus pontos apurados.
5. Da Aferição de Precisão.
5.1. A precisão dos participantes será aferida pela comparação do tempo ideal de passagem pelos PCs com o horário de passagem real. O participante perderá um ponto por segundo adiantado ou atrasado.
5.2. O participante que não passar por um PC ou passar com um tempo inferior ou superior a dez minutos do seu tempo ideal perderá 600 pontos que não entrarão nos descartes.
5.3. Os cinco piores PCs de cada participante serão descartados.
6. Dos Equipamentos.
6.1. Não será permitida a utilização de equipamentos de navegação integrada. Entende-se por navegação integrada equipamentos que calculem o tempo em função da distância ou vice-versa e tenham qualquer ligação com sensores do veiculo, sejam eles eletrônicos ou mecânicos.
6.2. Será permitida a utilização aparelhos GPS, tablets, celulares, computadores desde que respeitem o item 6.1.
7. Da Premiação.
7.1. A divulgação do resultado será feita após a prova assim que estiver concluída. Após a divulgação o participante terá um prazo de dez minutos para entrar com reclamações sobre o mesmo. Findo este prazo a premiação terá início.
7.2. Os cinco primeiros participantes que perderem o menor número de pontos serão premiados com dois troféus cada (um para o piloto, outro para o navegador).
7.3. O veículo mais representativo do passeio (“The Best of Show”), o melhor veículo nacional, o veículo mais antigo a completar a prova e o veículo cuja dupla se destacou com o "espírito esportivo" farão jus a um troféu cada.
7.4. A competidora que se destacar no evento ganhará o "Troféu Batom".
7.5. A equipe que competir sem auxílio de instrumentos digitais concorrerá também ao Troféu Old Fashion, dado ao carro melhor colocado sem tais equipamentos. Não será permitido Smartphone, GPS ou Tablets a bordo. A constatação de quaisquer desses equipamentos, mesmo que desligados, exclui automaticamente a equipe da disputa desse premio especial.
8. Dos Casos Omissos.
8.1. Casos omissos serão avaliados e julgados pela organização do passeio que será soberana nas suas decisões.